As viagens

Fala de suas viagens, experiências que já teve viajando, lugares que conhece, ou sugestões que daria para alguém que vai viajar.

Vídeos de Conversa Brasileira

Video 03: Café da manhã 1

Video 04: Café da manhã 2

Vídeos de Portuguese Communication Exercises

Bom, para começar, aqui tem o site com os vídeos do Orlando em que o Rodrigo (São Paulo), a Magna (Belo Horizonte), a Larissa (Rio de Janeiro) e a Shirley (Rio de Janeiro) falam de sua primeira viagem de avião.

Portuguese Communication Exercises, Advanced 2: First Airplane Ride

http://www.laits.utexas.edu/orkelm/ppe/adv02.html

Vídeos dos alunos da aula:

1.  Justin, Elisa, Kellsey (Fall 07): Viagens Paulistanos

2.  Chris, Cynthia, Amelia (Fall 07): Festa no Avião

3.  Rodolfo, Erin, Eduard, Golden, Elissa (Fall 08): A Serpente

4.  Kyle, Eric, Elena, Liana (Fall 08): Estrangeiros

5.  Joe, John, Kristen, Lindsey, Nick (Spring 10): Segurança

6. Eric, Ilya, Jackie, Jorge, Lynn, Will (Spring 10): Viagens Maracuja

7. Anastacio, Marcy, Natalie, César (Spring 11): Aventura de Esnooki

Advertisements

Tags: , , ,

21 Responses to “As viagens”

  1. Orlando Says:

    Video #1 Festa no avião

    Atenção: As correções do diálogo estão estre parêntese embaixo de cada linha. Algumas partes não precisaram correção.

    Aeromoça: Atenção passageiros com destino para Brasil, favor de apertar seus cintos da segurança. Vamos despegar em dois minutinhos. [Atenção passageiros com destino a Brasil, favor de apertar seus cintos da segunrança. Vamos despegar agora]

    Amelia: Bom dia! Chris: Bom dia! Como vai? Amelia: Muito bem, e você? Chris: Muito bem também Amelia: Ta bom. Para onde vai você? [Para onde é que você vai?] Chris: Eu? Para Salvador [Eu vou para Salvador de Bahía] Amelia: Sim? [Vai?] Chris: Sim [Vou sim] Amelia: O que procura você em Salvador? [O que é que você procura em Salvador?] Chris: As garotas Brasileiras né! Não sei. E você? [As garotas brasileiras né? Brincadeira, não sei. E você?] Amelia: Vou para o Rio Chris: O Rio? E por que? [Vai? Por que?] Amelia: Para dançar samba [Por que quero dançar samba] Chris: A samba? [É verdade?] Amelia: Sim [É sim]

    Chris: Interessante né? Eu posso dançar a samba! [Eu posso dançar samba!]
    Amelia: Sim? [Pode?] Chris: Sim [Posso sim] Amelia: Você me pode ensinar um pouquinho? Chris: Um pouquinho? Tal vez depois de umas cachaças né? E isso aí [Posso sim, tal vez depois de umas cachaças ne? E isso aí] Chris: Você quer dançar? depois de umas bebidas? Amelia: Sim, tal vez sim [Tal vez]

    Aeromoca: Bom dia pessoal. Meu nome e Cynthia e hoje eu sou a sua aeromoça para Brazil. Alguém quisera algo para beber? [Bom dia pessoal. Eu me chamo Cynthia. Eu sou a sua aeromoça. Alguem gostaria de algo pra beber] Chris: Sim uma… duas cachaças né? [Uma… duas cachaças né?] Amelia: Não, não somente uma

    Aeromoca: Somente uma? E água para você? Amelia: Água. Obrigada [Água sim, obrigada] Aeromoca: E você? Chris: Uma cachaça. Obrigado [Uma cachaça para mim. Obrigado] Aeromoca: Alguém mais? Chris: Você ve o pássaro? [Veja o pássaro lá fora] Amelia: Pássaro? [O pássaro?] Chris: Sim, tem pássaros…beba. Gosta da sua água? [Tem pássaros sim….beba. Você gosta da sua água?] Amelia: Sim, mas é um pouquinho forte. O agua brasileira! [Gosto sim, mais é um pouquinho forte. O água brasileira!]
    Chris: Agora quer dançar? Amelia: Sim, estou com vontade! [Quero sim, estou com vontade!] Chris: Ta ai. Isso. Vamos la. A gente dança Eu posso dançar perfeito! [Ta bom. Vamos lá. A gente pode dançar perfeito!] Amelia: Vemos! [Vamos ver]

    ♪ Música da Ivete Sangalo ♫

    Aeromoça: Atenção passageiros favor de ficar nas suas cadeiras. Vamos presençar turbulência agora. Favor de apertar seus cintos da segurança. [Atenção passageiros, favor de ficar nos seus assentos, vamos experimentar turbulência. Favor de apertar seus cintos da segurança] Chris: Turbulência? Você tem medo? Amelia: Sim, é a primeira vez que eu subo num avião!
    [Tenho sim. É a primeira vez que eu subo num avião] Chris: Que interessante!!!!

  2. Orlando Says:

    Viagens Paulistanos

    Elisa -Oi bom dia. Kellsey -Oi. Elisa -Bemvindo a Viagens Paulistanos. Por favor tome assento. Kellsey -Obrigada. Elisa -Então, como posso ajudar a você hoje? Kellsey -Preciso tomar um viagem. Elisa -Tá, sim. Kellsey -Quero partir do Brasil. Elisa -Mas, porque? Kellsey -Por o trabalho…e todo o demais. Só quero ir em uma ferria. Elisa -Ah..entendi. Você sabe onde você quer ir? Kellsey -Não qualquer lugar. Elisa -Qualquer lugar… Kellsey -Sim. Elisa -Então, deixa ver…Agora temos um especial que vai para o Japôn! Você gosta do sushi? Kellsey -Sim, muito! Mas…não falo japonês? Elisa -Ah…esso pode ser um problema, né. Então…temos um viagem para Itália! Os homems de Itália são bem charmosos, né. Kellsey -O português é quasi como italiâno? Elisa -Pode ser, mas não se. Quer saber quanto? Kellsey -Sim. Elisa -Então deixa ver…O viagem para Itália sair em dois meses. Kellsey -Eh…não. Elisa -Não? Kellsey -Preciso sair agora! Elisa -Agora? Kellsey -Sim. Elisa -Então deixa ver…temos um viagem para Fiji! Kellsey -Sim? Elisa -Sim! O viagem sai a semana que vem. É para três dias, tem hotel e tudo. Kellsey -Tá bom. Elisa -Então deixa ver…só por R$4000.00. Kellsey -Sim? Elisa -Sim. Kellsey -Como esta o tempo em Fiji? Elisa -Um..deixa ver…o tempo…o tempo esta…uh…mais o menos. Fala que vem uma…hurracão mas não é certo que vai chegar. Só que esta…fica um poco perto de la. Kellsey – Então não. Elisa -Não mas não esta la. Pode não chegar. Kellsey -Mas pode ser. Elisa -Pode. Mas pode não chegar! Kellsey -Outro lugar. Elisa -Tá bom. Então. Certo que você quer qualquer lugar? Kellsey -Sim, qualquer lugar, praia, montanha…qualquer coisa. Elisa -Temos três viagems pra os Estados Unidos. Têm um para California. Você pode ser ‘star,’ né. Ver o cinema e todo. Então o viagem para California sai em duas semanas, é só por…quatro dias, não tem hotel. Você via ter que ficar não sé onde. Tem carro. Então esse viagem é quatrocento…não…R$3000.00. Kellsey -Uh huh…tá bom. Mas se eu vou para os Estados Unidos, quero pasar mais tempo. Elisa -Mais tempo. Então…sim, tem um viagem para Wisconsin! Kellsey -Não. Elisa -Você sabe onde fica Wisconsin? Kellsey -Não. Elisa – Ni eu. Então, finalmente, temos um viagem na terra do Presidente Bush! Mas não estou certa de que ele vai estar-la.

    Então temos um viagem para o Austin.

    Kellsey -Por quantos dias? Elisa -Quantos dias…é por uma semana…sai amanha. Tem hotel, tem carro, tem tudo! Esse viagem custa R$2000.00. Kellsey -Esta bom. Quero esse. Elisa -Quer esse. Então, nome? Kellsey -Kellsey. Elisa -Como se escreve? Kellsey -K-E-L-L-S-E-Y. Elisa -Obrigada. Então um viagem para Kellsey, para os Estados Unidos, por R$2000.00. Você vai pagar com cartão? Kellsey -Sim. Elisa -Visa? Você tem Master Card? Kellsey -Não, só Visa. Elisa -Só aceitamos Master Card. Desculpa. Kellsey -Obrigada. Elisa -De nada.

  3. Erin Says:

    A Serpente no Avião: Transcrição

    Rudolfo: Boa noite. Para onde vão vocês?

    Erin: Eu vou para a casa da minha irmã no Rio. É a primeira vez que estou em um avião. Estou muito ansiosa.

    Rudolfo: Ugh. Que chato…

    Golden: Boa noite. Bem vindo passageiros do vôo 501 saindo de Brasília com destino ao Rio de Janeiro. A hora aproximada da nossa chegada será as vinte um horas. Prestem atenção as saídas de emergência localizadas no frente, no fundo, e aos lados do avião.

    Erin: Por quê está falando das saídas de emergência? Você acha que vamos ter alguma emergência?

    Rudolfo: Não. Não se preocupe. Eu já ouvi estas frases muitas vezes. Senhor, senhor. Acorda agora! Se você não ouve as instruções da comissária é provável que você vá morrer.

    Elissa: Sssssss.

    Eduardo: Huh. Uh…. Quem está fazendo barulho? Eu estava tentado dormir. Odeio os vôos de Brasília. Algo estranho sempre acontece.

    Golden: Em caso de emergência, o colete de salva-vida está colocado embaixo do seu assento e a mascara de oxigênio descende do gabinete. Agora, por favor, apertem seus cintos de segurança. Estamos preparados para a decolagem.

    Rudolfo: A quais coisas estranhas você refere?

    Elissa: Ssssssssss

    Eduardo: Os animais exóticos sempre montam no avião

    Erin: Animais exóticos!! Sabia que era má idéia subir no avião.

    Elissa: Sssssssss

    Rudolfo: Você ouve esse ruído? Provavelmente uma janela fica aberta. Comissária! Comissária! Por favor, fecha a janela.

    Golden: Senhor, as janelas não se abrem.

    Rudolfo: Olha senhora. Eu posso ouvir o vento passando pela janela.
    Faz o ruído “sssssss.” Que outra coisa pode ser?

    Elissa: Ssssss…..uma serpente……

    Rudolfo: Que ridículo! As serpentes não andam de avião! Elas não podem passar na alfândega.

    Elissa: Na verdade, eu embarquei como clandestina e eu estou com muitossssss fomessssssss. Qual de vocesssss quer ser minha janta? Não sei se anseio passageirosssss ou commisáriasssssss, ou melhor, o piloto!

    Erin: É certo. É uma serpente! Que medo!

    Eduardo: Estou farto desta serpente de merda nesta avião de merda.

    Elissa: Meu Deus. Não posso parar de bailar. O que me está acontecendo? O ritmo melódico e h….

    Rudolfo: Come você está fazendo isso?

    Eduardo: Todo mundo sabe que as serpentes de Brasília adoram dançar a samba.

    Rudolfo: Ótimo cara! Você é um herói.

    Eduardo: Muito obrigado. Em verdade eu só comecei tocar samba a quarta–feira passada, mas desde criança eu me senti como sambista no meu coração.

    Elissa: Ahem. Desculpe a interrupção, mas ainda estou com fome. Agora eu anseio o sambista. MMMMmmmm, um pouco duro, precisa de um pimentão, mas ainda gostoso.

  4. Kyle Says:

    Video #1 “Estrangeiros” (Transcrição)

    • Liana: Senhoras e senhores passageiros bem-vindos a Teresinha. Por favor, mantenham seus cintos de segurança abotoados até que o capitão desligue o sinal. Prestem atenção quando abrirem os compartimentos porque suas bagagens podem ter deslocadas durante o pouso. Sabemos que a escolha de linha aérea é do cliente então obrigado por ter escolhido a TAM.
    • Kyle: Você está tão ansiosa quanto eu?
    • Elena: Bem, estou, mas puxa vida, como você é impossível.
    • [no taxi]
    • Eric: Aqui, aqui! Precisam de ajuda com suas bagagens?
    • [entrem no carro]
    • Eric: Para onde?
    • Eric: Sei exatamente onde fica este lugar.
    • Eric: Deixa-me eu adivinhar, esta é sua primeira vez no Brasil neh?
    • Elena: Sim… Como sabe?
    • Kyle: Meu Deus!!! Olha o lixeiro! Como é diferente.
    • Elena: Homem, calma.
    • Eric: Olha ali está uma arvore brasileira… E um carro brasileiro!
    • Eric: E olha ali um filho da mãe brasileiro também!!
    • Liana: E ai taxista tu recebeu a carteira de motorista por telefone?
    • Eric: Não! Eu aprendi a dirigir com a tua vovozinha.
    • Liana: Egua vai ser idiota assim lá na China!
    • Elena: Eu fiquei com medo, todo mundo aqui é assim?
    • Kyle: Que nada! Em toda parte do mundo tem gente mal-educada.
    • Eric: Bem, chegamos
    • Elena: Finalmente, estamos na praia!
    • Kyle: E dai? Já acabou minha memória mesmo…
    • Elena: Puxa vida…
    • Eric: Esses estrangeiros…

  5. Kyle Says:

    Video #1 “Estrangeiros” (Comentários)

    Quisemos centrar-nos sobre a experiência de a primeira vez uma turista vai a Brasil. Como você pode ver no vídeo, nós incluímos uma cena de uma movimentação do táxi. Nosso motivo com essa cena era indicar o tráfego difícil que existe em Brasil. Também, nós incluímos o elemento cômico da troca amigável entre dois taxistas. Certificamo-nos usar a língua coloquial de Brasil por quando a Liana pergunta a Eric se recebeu sua licença sobre o telefone.

  6. Erin Says:

    A Serpente no Avião: Comentários

    Este diálogo se realiza num avião e faz paródia do filme americano que tratava dum avião no qual um terrorista botou serpentes para que o avião não chegasse ao seu destino.

    Vocabulário
    Comissária = flight attendant
    Serpente = snake
    Decolagem = take off
    Colete de salva-vida = life vest
    Alfândega = customs

  7. Liana Says:

    “Estrangeiros”

    Vocabulário:

    abotoado: buckled
    deslocada: dislocated/ shifted
    pouso: landing
    adivinhar: to guess

  8. Liana Says:

    “Estrangeiros”

    Aqui está uma website com mais vocabulário útil.

    http://www.vocab.co.uk/vocabulary/uk/portuguese/brazilian/travel.htm

  9. Liana Says:

    “Estrangeiros”

    Here is also a great website on Brazilian travel

    http://www.justbrazil.org/

  10. Elissa Wev Says:

    Serpente
    Vocabulário adicional:

    Ansiar: to long for, crave
    Clandestina: stow away

    Nota sobre a gramática
    No principio da cena o Rudolfo fala para o Eduard fazendo comandos e frases condicionais. No dialogo ele não utilizo o imperativo mas eu acho que precisa. Ela disse “Acorda agora!” em vez de “Acorde agora!” Também, Rudolfo disse, “Se você não ouve as instruções…” O uso de “se” é uma sinal do condicional e precisa de subjuntivo. Então deve dizer “Se você não ouvisse….”

  11. Nicholas Hall Says:

    Segurança – Transcrição

    Nick: Nãooo! Vou ter que desligar o telefone agora, a gente tá chegando à seguraça do aeroporto.

    Simmm, ainda dá tempo! Vou desligar! Te amo, mãe. Sim, coloquei cuecas dentro da mala! Não se preocupe. Tchau, mãe.

    Lindsey: Nossa! Ela sempre se preocupa por você! Desliga o telefone agora, ele vai te ligar de novo.

    Kristin: Você conhece um bom lugar pra jantar em Salvador?

    Nick: Acho que tem um barzinho no Pelourinho.

    Joey: Vem cá! Levante as mãos. Estenda as pernas! (Pat down to Kristin). Se você tiver aparelhos eletrônicos, deixe comigo. Vai lá com ele, acho que a gente vai ter problemas com você. Você tá escondendo algo na sua mala…

    John: Por favor, coloque a sua mala aqui.

    Lindsey: Só perfume que eu queria levar pro Brasil.

    John: Para quê? Temos perfume no Brasil. Você não precisa disso. Você não pode levá-lo porque é mais de oito onças, vou ter que confiscá-lo.

    Kristen: Espere! Por favor, ela realmente precisa desse perfume. Custa mais de cem dólares e foi um presente de natal. Eu não posso deixar confiscá-lo.

    Nick: Pode dar um jeitinho? Por favor!

    Segurança: Não! É um perigo para os outros passageiros? Não posso perimitir que você embarque com esse perfume.

    Lindsey: (Ela aplica o perfume) … Cheira o perfume. É gostoso demais.

    John: (Você cheira o perfume no pescoço dela) … que gostoso! Você pode passar, esconde o perfume. Boa viagem pra vocês. Se alguém vir você com o perfume, fala pra eles que eu deixei você passar. Tchau, gatinha.

  12. Nicholas Hall Says:

    Vocabulário:

    Segurança: Security
    Cuecas: Underwear
    Aparelhos Eletrônico: Electronic Device
    Mala: Bag/Luggage
    Jeitinho: Way
    Passageiros: Passengers
    Embarcar: To board
    Perfume: Perfume
    Cheirar: To smell
    Pescoço: Neck
    Gatinha: Nickname for girl, ‘cute’
    Esconder: To hide
    Confiscar: To confiscate
    Aeroporto: Airport
    Desligar: Turn off

    Nota Cultural: “Dar um jeitinho” – uma frase usada pelos brasileiros para ‘enganar o sistema.’ Se você tiver problemas com a polícia o qualquer pessoa, pode dizer: “Pode dar um jeitinho?” A tradução literal é: Is there any other way? Pode ser considerada uma forma de corrupção e às vezes é somente usada em situações desesperadas para evitar problemas que podem acontecer.

  13. Equipe Maracujá Says:

    Viagens Maracujá – Roteiro/Transcrição

    No portão

    Eric: Oi, professor Ronaldo! Um prazer vê-lo de novo. Como vai o senhor?
    Ilya: Tudo bom. Estou muito animado para ensinar este grupo de estudantes em São Paulo.
    Eric: O senhor já pegou seu cartão de embarque?
    Ilya: Peguei, sim. Vamos embarcar?
    Eric: Vamos. O quê fila tem?
    Ilya: Bom, tô indo na primeira classe.
    Eric: Ótimo, professor! Eu também tô. Na fila três?
    Ilya: (arfada: gasp) Na fila três….
    Eric: Daqui a quinze horas, a gente vai ser os melhores amigos do mundo!

    No avião

    Eric: (Olha para o cartão de embarque) (Indica para o professor mover ao assento da janela)
    Eric: O senhor quer praticar o português?
    Ilya: (Põe os fones de ouvido) Eric: (Mais duas perguntas improvisadas: gritando) (montagem aqui, Ilya fica chateado com o Eric)
    Jorge: Olá! Bemvindos à linha aérea “Maracujá”. Meu nome é Seu Jorge. Hoje nosso destino final vai ser São Paulo. A temperatura lá agora é 30 graus. Em caso de emergência, as saídas ficam…aqui……e……aqui (indicando com as mãos). Qualquer coisa que vocês precisarem…me ligam (faz o “call me!” gesto).
    Eric: Bom, eu vou no banheiro.
    Ilya: (Aperta o botão)
    Jorge: Alguém me chamou?
    Ilya: Olha, gatinho. Acho que hoje é o aniversário desse menino aqui que tá sentado ao lado de mim. Você deve dar um presente para ele. Jorge: Fala sério! Ele gosta de mim? Então vou ter uma surpresa ótima para nosso passageiro tão fiel. (some)

    Eric: (Aparece…senta)
    Jorge: Parabéns para você…Nesta data querida…Muitas felicidades. ..Muitos anos de…Guaraná!!! (Entorna a bebida no Eric)
    Eric: Puxa vida!
    Jorge: Ay, disculpa papi. Me deixa limpar.
    Eric: Tô bem, obrigado.
    Jorge: Não, papi, faço questão!

    (Pausa)

    Eric: Como é que a gente vai chegar à casa da nossa minha família de intercâmbio?
    Jorge: Eu posso te dar uma carona, se você quiser…

    No Aeroporto em São Paulo

    Lynne: Tão um pouquinho atrasados…
    Jackie: Não sei, mas só esperamos mais quatorze horas, e depois vamos para casa.
    Will: Valeu.

    (Desvanece… 14 horas depois)
    Jackie: Eles não vão chegar, vamos embora.
    Lynne: Tô de acordo. Vamos.
    Will: Ninguém tá indo embora! Eles tão aterrissando agora mesmo.
    Jackie: Puxa! Já passou quase o dia todo. Não posso ficar mais!
    Lynne: Como é que faz sentido para a gente ficar aqui?
    Will: (irritado pela pergunta) Porque eu disse que faz sentido, isso é por que!
    Jackie: Talvez ele fosse sequestrado.
    Will: Pode ser.
    Lynne: Vamos ver.

    (O Jorge aparece)

    Jorge: Vocês têm esperado para o Erix Salmão?
    (Will, Lynne, Jackie): SIM!! Você conhece ele??
    Jorge: (rindo) Sim, conheço ele para lá de bem.

  14. Equipe Maracujá Says:

    Viagens Maracujá – Observações gramaticais

    Vamos basear nossa análise em algumas das lições de “Tá Falado” que já ouvimos neste semestre. Os trechinhos do roteiro aparecem entre aspas depois das nossas explicações teóricas.

    Lição #2 (Contractions):

    em + o = no
    em + a = na
    em + os = nos
    em + as = nas

    “Eu estou indo na primeira classe”

    *Embora não sejam gramaticalmente corretas, também utilizamos as formas muito comuns na fala “tô” (estou) e “tá” (está). Mesmo assim, os brasileiros também escrevem essas formas muito nas redes socias na Internet.

    Lição #4 (Future Subjunctive/Futuro do Subjuntivo)

    Para se referer a um evento possível no futuro com verbo, usa-se o futuro do subjuntivo. A palavra “se” (if) é um dos indicadores mais comuns que a palavra seguinte vai aparecer no futuro do subjuntivo.

    “Se você quiser” (If you want [sometime in the future after Jorge makes this comment, even if the response is affirmative and instantaneous])

    Outro exemplo que incluímos foi o seguinte:

    “Qualquer coisa que vocês precisarem…me ligam!”

    Em outras palavras, *se* vocês precisarem de mais alguma coisa no futuro, podem me ligar.

    Lição #6 (O Verbo “Ficar”)

    Para quem falar o espanhol, um dos usos do verbo “ficar” é para expressar a idéia de “quedarse” (to remain/to stay). Na verdade, esse exemplo também reforça a mensagem principal da Lição #5 de Tá Falado (Disappearing Reflexive Verbs), já que o mesmo verbo que precisa do pronome reflexino no espanhol some no português.

    “Não posso ficar mais”

    Lição #7 (“Para” with Indirect Pronouns)

    Enquanto no espanhol o pronome indireto “le” se utiliza muito para indicar a idéia de “to whom/for whom” (Le di el libro ayer/I gave [him/her: understood from the context] the book yesterday), no português falado seria muito menos comum ouvir o equivalente “lhe”. Então, nesse caso, seria “Dei o livro para ele ontem” em lugar de “Dei-lhe o livro ontem”, a forma mais acadêmica.

    “Acho que você deve dar um presente para ele”

  15. mismablog Says:

    Observações culturais do equipe Maracujá

    É tradicional cantar Parabéns Pra Você para o aniversário de amigos, como o Jorge faz para o Erix. A letra para a cançáo é:
    Parabéns pra você,
    nesta data querida,
    muita felicidade,
    muitos anos de vida

    A melodia e quase o mesmo como “Happy birthday to you”, mais usualmente cantam mais rapido até o final.

    “Muitos anos de…Guaraná!!!”
    Depois de cantar, Jorse se entorna um refrescante por Erix. O refrescante se chama Guarana e é o refrigerante mais consumido no Brasil. Guaraná está poplarizando mais também fora do Brasil, em Portugal, na Espanha, e nos Estados Unidos

    “Jackie: Talvez ele fosse sequestrado.”
    É uma concepção errada do Brasil que há muitos secuestros e violência em Rio, embora a ocurrencia de crimens é mais alto no São Paulo. Nos fizemos um jogo da opinão da violência em Rio, mais em realidade os cariocas não acham que o Rio é perigoso ou violênto demais.

  16. Equipe Maracujá Says:

    o portão–the gate
    um cartão de embarque–boarding pass
    a fila (três)–the (third) row
    o avião–the airplane
    nosso destino final–our final destination
    (minha) família de intercâmbio–(my) exchange family
    posso te dar uma carona–I can give you a ride
    linha aérea–airline
    aterrissar–to land

    –Nota Cultural–
    para lá de [bem] (ou qualquer outro adjetivo)–beyond [well]. Isso é gíria muito comum para emfatizar alguma coisa.

    Example:

    “Is this restaurant good for lunch?”
    “Yes, it’s beyond good, it’s amazing.”

    “Esse retaurante é bom para almoçar?”
    “Sim, para lá de bom, é incrível”

    –Nesse exemplo eu uso “para lá de” a fim de emfatizar que o restaurante é muito bom, mas a gente pode também usar a palavra com qualquer outro adjetivo.

  17. Jorge Maldonado Says:

    Há uma linha em que eu digo: “faço questão”, depois de entornar guaraná em cima de Eric. Em “Hobbies 2” há uma explicação sobre a palavra “questão”. Pode significar “pergunta” ou “problema”, mas neste caso é mais como “Eu insisto”

  18. Equipe Maracujá Says:

    Vocabulário que usamos para criar um roteiro autêntico brasileiro.

    cartão de embarque – boarding pass
    embarcar- to board
    fila – row
    fones de ouvido – headphones
    linha aérea – airline
    graus – degree as in temperature
    dar uma carona – to do a favor
    aterrissando – landing
    sequestrado – captured

  19. Equipe Maracujá Says:

    esclarescimento: dar uma carona= to give a ride (not a favor)

  20. Lynne Lee Says:

    Em Portugal, não se fala “dar uma carona”; falamos “dar uma boleia”.
    Pois… é só isso. Foi nosso primeiro clipe, e ainda não sabia usar o imovie. Já aprendemos usar, então os efeitos de “Brasil Tem Talento” foram muito melhores!

  21. Natalie Garza Says:

    Transcrição de Aventura de Esnooki
    Grupo B: Anastacio, Marcy, Natalie, César

    César (Narrador)

    Depois de mais outra temporada de sucesso do progama de televisão Jersey Shore, Snooky decidiu tirar umas férias bem merecidas no Brasil. Ela arrumou toda a sua bagagem e deu certeza de ter spray de cabelo extra para qualquer emergência inesperada que pudesse acontecer. Infelizmente, no seu caminho pra o Brasil, Snooky teve um acidente de avião. A gente toda morreu com exceção da Snooky, sobrevivendo apenas graças a seu cabelo: o puf. Também conhecido como “esnooky puf”. Ela encontra-se perdida na Amazônia sem ninguém próximo a ela para ajudá-la. Quando ela acha que vai morrer, ela ouve um barulho que vem da vegetação e que acaba por ser um alienígena Na’vi.

    Natalie (Snooky)

    Meu deus! Eu assisti seu filme e gostei dele muito. Você é um gatinho! E, olha o tamanho dessa trança. Isso! Agora, estou salvo! Você não pode ligar a sua trança em uma árvore e me dizer para onde ir?

    Anastácio (Na’vi)

    Não posso dizer, não. Meu cabelo não funciona neste planeta, mas eu posso pensar em mais um lugar diferente para empurrar-lho.

    Marcy (Outra Na’vi)

    O que está acontecendo aqui? com essa … COISA estranha!

    Natalie (Snooky)

    Meu Deus! Outra coisinha azul! Que chique!!

    Anastácio (Na’vi)

    Calme, mulher, calme. Ela só precisava de direcções para sair da selva.

    Marcy (Outra Na’vi)

    Na’vi sounds.

    Natalie (Snooky)

    Ó menina! Fique calmada! Eu sei do que você precisa! Você precisa ser Snooky-fied!

    Marcy (Outra Na’vi)

    Na’vi sounds. Ok.

    Natalie (Snooky)

    Agora, prenda a respiração por 5 minutinhos.

    Marcy (Outra Na’vi)

    Ooohhhhh que chique!!

    Anastácio (Na’vi)

    Ótimo gente, vamos pra cidade embora!!

    César (Narrador/Darth Vader)
    Esperem gente!

    Natalie (Snooky)

    Puxa! Quem é voce?

    César (Narrador/Darth Vador)

    Snooky, Eu sou seu pai!

    Natalie (Snooky)

    Nãooooooo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: